outubro 23, 2006

"O Satânico Dr. No" é o Terceiro no Fundo

Brasileiros com trabalhos importantes, inclusive na burocracia estatal, deveriam receber reconhecimento maior pela obra. Esta notícia vai ficar perdida em algum canto de página de jornal, cujos estafetas estarão, agora, achando que estão publicando por obrigação a nota. Infelizmente, quando o nome dele for cogitado para algum novo posto em Brasília, ele será sempre lembrado por este cargo, e por isto triturado pela esquerda burra e pela imprensa mancheteira. Para justificar a previsão, uma lembrança do que se dizia em meio ao caos do início de 1999.

Abraços!

P.S.: Acham que esta foi uma opinião isolada na época? Então vejam esta e esta. Só não citei mais porque a maioria dos jornais está com o arquivo de notícias limitados para assinantes. E imaginem, a partir desta amostra, as manchetes sobre o que será dito se o nome aqui homenageado for cogitado, por exemplo, para a Fazenda.

Um comentário:

Chris disse...

o divertido de ver estas opiniões é ver que todos tiveram que botar a viola no saco, porque a "raposa" cuidou das galinhas muito bem, e não tivemos nem sombra da crise que todos previam em 1999... E que, os mesmos que apontavam o dedo, quando colocados no mesmo lugar, continuaram com a política e tecem elogios (merecidos) à mesma...Só omitem que não é deles, mas que começou com a "raposa" e com quem, sabiamente, colocou a "raposa" dentro do galinheiro... *rs